top of page
  • Foto do escritormelody erlea

O Estilo de Ice Spice

[publicado originalmente na fresh people]


Emergindo repentinamente no mundo pop, Ice Spice é um furacão da nova geração do hip hop. Se há pouquíssimo tempo ela era uma jovem anônima começando no mundo da música, em menos de dois anos o nome da rapper - e seu icônico e inconfundível visual - parece ter inundado a internet.


Com canções virais no TikTok, um hit nascido no Soundcloud, a benção de Drake e colaborações com gente como Nicki Minaj e Taylor Swift, a nova princesa do rap parece ter pego carona num foguete direto para o estrelato. Beyoncé a escolheu para a campanha de uma coleção da Ivy Park X Adidas, Lil Nas X se fantasiou da rapper no Halloween, ela já esteve no Met Gala e passou a ser figura carimbada nas semanas de moda de Nova York. A artista tem deixado sua marca no mundo do rap e no mundo fashion.


Ice Spice tem uma carreira e um estilo trabalhados na ironia e no humor. Quando foi sarcasticamente comparada com Princesa Diana, lançou um single com esse nome. Quando foi criticada por usar muito a palavra 'like' ao falar, lançou um EP chamado "Like". Quando seu cabelo ruivo cacheado foi alvo de piadas, fez questão de torná-lo sua assinatura de estilo - e a escolha foi acertadíssima. Instantaneamente reconhecível, o penteado de Ice Spice foi essencial na construção de sua persona artística. “Toda vez que mudo o cabelo, é como se eu me tornasse outra pessoa. Então eu sempre volto para o crespo natural. Na adolescência eu sempre senti que, para estar elegante, eu precisava alisar o cabelo. Agora é o oposto, me sinto arrumada com o cabelo natural”, disse em entrevista para a Vogue Britânica.


Ice Spice associa a ascensão de sua popularidade no mundo da música a essa escolha por um estilo genuíno, que expressa quem ela é: uma mulher nova iorquina com ascendência nigeriana e dominicana. De Nike Jordans nos pés e um guarda-roupa que parece ter vindo direto dos anos 2000 - calças jeans de cintura baixíssima, conjuntos Juicy Couture, camisetas Ed Hardy, muito strass - a cantora é evidência de que a moda Y2K continua sendo uma obsessão para a Gen Z e de que não são necessárias artimanhas teatrais para firmar um estilo autêntico e marcante: basta um penteado icônico e um par de tênis clássicos nos pés.

0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comentários


bottom of page